CERTAJA CLARA
apoiosicredi

Evento com palestras, oficinas e troca de sementes crioulas celebra Semana da Alimentação em Colinas

Por Jorge Ramos em 20/10/2021 às 11:54:35
Foto divulgação: EMATER/RS

Foto divulgação: EMATER/RS

Um evento com palestras, oficinas, dinâmicas de grupo e troca de sementes crioulas reuniu cerca de 150 pessoas na terça-feira (19/10), no salão comunitário da Sociedade Esportiva e Recreativa (SER) Juventude, da Linha 31 de Outubro, em Colinas. Organizada pela Emater/RS e pela Prefeitura, com o apoio do Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR) e Associação das Mulheres Colinenses (AMC), a atividade é alusiva à 19ª Semana da Alimentação RS – que foi celebrada no Estado de 11 a 17 de outubro.

Na ocasião, além da tradicional troca de sementes, de mudas e de ramas, houve palestra com o tema Comer e os Sentidos, ministrada pela nutricionista Ana Paula Jasper. Em sua fala, a profissional salientou a importância da atenção plena durante a alimentação, como forma de ampliarmos a nossa percepção acerca daquilo que estamos comendo. Utilizando os conceitos de mindful eating lembrou que o processo de comer deve ser prazeroso, com o uso de todos os sentidos – e não apenas do paladar e do olfato.

Durante o encontro – que procurou respeitar os protocolos de segurança adotados em meio à pandemia, como o uso de máscaras e utilização de álcool gel -, o público também participou de uma dinâmica que buscava compreender a propriedade rural a partir da ótica da mulher. Com o apoio dos extensionistas da Emater/RS-Ascar Cleide Gutierrez, Marcelo Müller e Cezar Burille foram caracterizadas Fortalezas, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças. "A ideia é mapear as propriedades para futuros encaminhamentos em matéria de possíveis políticas públicas e outras possibilidades de avanços", avalia Müller.


Foto divulgação: EMATER/RS

Participante do evento, a agricultora Irene Dannebrock, de Colinas, estava sorridente com a oportunidade de poder reencontrar os amigos da comunidade de forma presencial. "A gente acaba sentindo falta disso, desse movimento, do contato", reflete. Integrante do Clube de Mães Sempre Amigas e produtora de hortaliças e de grãos, explicou que, aos poucos, a normalidade vai retornando. "A gente costuma se encontrar uma vez por mês e a pandemia impossibilitou essa rotina", pontua.

Sobre a produção de alimentos naturais, afirmou ser uma prática que acompanha a família desde que era jovem. Atualmente com 69 anos, Irene se mostra orgulhosa ao explicar que o cultivo de brócolis, couve-flor, beterraba, espinafre, alho, alface, rúcula e frutas como bergamota ponkam serem entregues aos alunos das escolas locais, por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). "A gente não usa nada de agrotóxico, toda a produção é "limpa"", reforça. "Inclusive os temperos e chás que consumimos", observa.

Aliás, foram os temperos, chás e outras plantas medicinais que movimentaram as bancas de trocas. Em meio ao evento, a Emater/RS-Ascar, que atua em parceria com a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) do Governo do Estado, realizou oficinas sobre beneficiamento de sementes de urucum, além de dinâmicas e outras práticas. Também participaram da ação, a vice-prefeita de Colinas Regina Sulzbach, secretários, vereadores e representantes de entidades.

Com o tema A (In)Segurança Alimentar e Nutricional no Contexto da Fome e do Direito Humano à Alimentação, a Semana da Alimentação contou com uma série de ações no Estado – de rodas de conversa a seminários, passando por feiras e atividades culturais – com a intenção de provocar a reflexão sobre o tema. A Emater/RS-Ascar é parte da comissão organizadora da programação. Dúvidas podem ser tiradas nos escritórios da Instituição.

Fonte: Emater/RS-Ascar - Regional de Lajeado

Jornalista Tiago Bald


Comunicar erro
SICREDI2
CLARA TABAI CENTER

Comentários

M. VALE-PEDRO-BRILHO
BARBA/BRILHO
SICREDI3