https://jornalinformativotabaiense.com
CERTAJA 5

Ministério Público denuncia professor por crimes sexuais contra estudantes adolescentes no interior do Rio Grande do Sul

Por REDAÇÃO em 03/06/2024 às 09:45:46
O MP pediu indenização mínima de R$ 25 mil para cada vítima Foto: Divulgação

O MP pediu indenização mínima de R$ 25 mil para cada vítima Foto: Divulgação

O MP (Ministério Público) do Rio Grande do Sul denunciou um professor por crimes sexuais contra estudantes do ensino fundamental de uma escola estadual em Formigueiro, na Região Central do Estado.

Conforme o promotor de Justiça Fernando Mello Müller, o réu é acusado de importunação sexual, estupro de vulnerável e vários casos de assédio sexual. Na denúncia, apresentada à Justiça na semana passada, Müller afirmou que o réu, em diversas ocasiões, aproveitando-se da condição de professor, com abuso de autoridade, importunou sexualmente alunas adolescentes, constrangendo-as e assediando-as, sendo tais fatos levados ao conhecimento dos familiares das estudantes, da direção da escola e da comunidade.

O denunciado também constrangeu as vítimas, por meio de injúrias e ameaças, dentro do ambiente escolar, para tentar ocultar os crimes e impedir as alunas de denunciá-lo. O nome dele não foi divulgado.

O MP pediu indenização mínima de R$ 25 mil para cada vítima "diante da gravidade, circunstâncias e consequências dos delitos praticados" e também solicitou a perda do cargo público do réu, já que a função foi utilizada como meio para a prática dos crimes.

"A partir de agora, as partes terão oportunidade de produzir as provas acerca do que foi apurado pela polícia, e o réu, que está preso em São Sepé, terá a chance de se defender das acusações que pesam contra ele", concluiu o promotor.

O SUL

Comunicar erro
TABAIENSE

Comentários

CERTAJA 3