https://jornalinformativotabaiense.com
CERTAJA 5

Bandidos incendeiam dois ônibus em Porto Alegre a 100 metros do PalĂĄcio da PolĂ­cia

Por REDAÇÃO em 20/05/2024 às 09:58:29
Dois ônibus foram incendiados na Princesa Isabel, em Porto Alegre, na noite desse domingo(19). (Foto: Reprodução)

Dois ônibus foram incendiados na Princesa Isabel, em Porto Alegre, na noite desse domingo(19). (Foto: Reprodução)

A Brigada Militar foi acionada na noite desse domingo (19) para atender uma ocorrĂȘncia de incĂȘndio em dois ônibus, localizada na Avenida Princesa Isabel, próximo à Avenida João Pessoa, em Porto Alegre. Os veículos ficaram completamente destruídos pelas chamas.

Não hĂĄ confirmação de vítimas. Segundo relatos informais, os ônibus foram parados por pessoas com pedras que fizeram os passageiros e os motoristas descerem dos coletivos. No fechamento desta edição a ocorrĂȘncia ainda estava em andamento e a Brigada Militar estava coordenando esforços para garantir a integridade e ordem no local da ocorrĂȘncia.

Informações preliminares divulgadas pela BM apontam que aproximadamente 50 pessoas bloquearam a via e lançaram um artefato incendiĂĄrio, possivelmente um coquetel molotov, com o intuito de atear fogo nos dois ônibus. As chamas foram contidas pelo Corpo de Bombeiros, enquanto a Brigada Militar assumiu a responsabilidade pela segurança do perímetro.

O crime mobilizou vĂĄrios policiais civis e militares, além dos bombeiros.

Nas redes sociais, as especulações sobre a motivação variavam de manifestações de populares por falta d"ĂĄgua, à relação com o condomínio Princesa Isabel, chamado popularmente de Carandiru, e até a um líder criminoso da região que estaria desaparecido.

2020

Em março de 2020, um grupo de criminosos ateou fogo em um ônibus no bairro Agronomia, na zona Leste de Porto Alegre. O caso ocorreu na rua Ernesto Liscano, por volta da 1h, e atingiu a linha Herdeiros. Segundo a Brigada Militar, o coletivo estava terminando seu itinerĂĄrio quando quatro homens que estavam em um carro pararam o ônibus e obrigaram o motorista e o cobrador a descerem. Em seguida, o grupo ateou fogo no coletivo e o veículo ficou completamente destruído. Os criminosos fugiram e ninguém foi preso.

O SUL

Comunicar erro
TABAIENSE

ComentĂĄrios

CERTAJA 3